segunda-feira, 1 de março de 2010

Na terra do vale tudo...

É cada vez mais comum ver mendigos ou artistas nas ruas frias da Suiça.

Na sua grande maioria são pessoas que não querem trabalhar, parasitas da sociedade. Outros porém conseguem criar entretenimento e até dar cor e música a avenidas com a sua arte.

Salvo raras excepções: que saibam realmente tocar a concertina, o acordeão, a harmónica ou o violino e não abusem da segurança social ou pertençam a gangues do Leste ou dos Balcãs.

Enquanto uma minoria prefere seguir em frente e ir de porta em porta à procura de trabalho, há quem ainda consiga surpreender.

Quem sabe, e vendo por cá como está tão saturado o mercado de trabalho, começo igualmente a pensar que talvez se tenha cansado de receber tantas recusas!

Na terra do "chaque jour, chaque facture", há quem faça de tudo por cá continuar...


Obrigado Colaço pela partilha da imagem.

1 comentário:

W123 disse...

Essa foto foi tirada na Suíça?
Tem graça...ainda ontem estive lado a lado com essa "estátua" ali para as bandas do Martim Moniz em Lisboa ;)
Pelo menos assim todos sabem que é tuga!

Abraço